youtube instagram facebook tiktok
Piauí, 26 de maio de 2024
Circulando

Advogada Patrícia Nascimento é destaque no I Congresso de Direito Penal do Médio Parnaíba

Além dela, o evento contou com a presença de diversos palestrantes de renome nacional


O I Congresso de Direito Penal do Médio Parnaíba marcou três dias de intensos debates e reflexões sobre temas cruciais para o campo jurídico. Realizado em Floriano, no Piauí, nos dias 11, 12 e 13, o evento reuniu uma gama diversificada de profissionais renomados, incluindo advogados, professores universitários e especialistas em direito penal.

Uma das palestrantes de destaque foi a advogada e professora universitária Patrícia Nascimento, cuja expertise trouxe luz ao tema "Atuação das Mulheres no Campo Criminal, com Ênfase no Tribunal do Júri". Sua apresentação não apenas abordou os desafios enfrentados pelas mulheres nesse campo, mas também destacou seus acertos e erros, fornecendo insights valiosos para a prática jurídica.
Além dela, o evento contou com a presença de diversos palestrantes de renome nacional, como Dra. Flávia Froes, Dr. João Ricardo Batista, Dr. Américo Leal, Dr. Fabiano Lopes, Allyne Patrício, Dr. Cantuária, entre outros. Cada um deles contribuiu com seu conhecimento e experiência para enriquecer as discussões e proporcionar uma visão abrangente das questões atuais do direito penal.

Durante os três dias de congresso, os participantes tiveram a oportunidade não só de absorver conhecimento, mas também de interagir e trocar experiências com colegas e especialistas do ramo. Esse intercâmbio de ideias e práticas foi fundamental para o enriquecimento profissional e pessoal de todos os envolvidos.

O sucesso do I Congresso de Direito Penal do Médio Parnaíba não apenas consolida a importância de eventos dessa natureza para a comunidade jurídica, mas também evidencia a relevância do debate sobre temas como a atuação feminina no direito penal e os desafios do tribunal do júri. Espera-se que iniciativas como essa continuem a promover o crescimento e aprimoramento do campo jurídico em todo o país.

Dê sua opinião: